Filho de Mauro paga fiança e não entrega passaporte à PF

Luis Antonio Taveira Mendes, filho do governador de Mato Grosso, Mauro Mendes, não cumpriu a determinação da juíza Raquel Coelho Dal Rio Silveira, da Justiça Federal de Campinas (SP), de entregar seu passaporte à Polícia Federal no âmbito da Operação Hermes II. Ele é o único dos investigados na operação que não acatou a ordem.

A defesa de Luis Mendes solicitou um prazo de mais de 20 dias para que ele entregue o documento na Polícia Federal em Campinas, alegando a distância entre sua residência em Cuiabá e a unidade da PF em Campinas. Enquanto isso, todos os outros investigados já cumpriram a medida, entregando os passaportes em Cuiabá.

O empresário também foi alvo de uma fiança de R$ 13.200, que, segundo sua defesa, foi estornada e posteriormente paga. A alegação é de que o valor inicialmente foi encaminhado para o escritório da defesa antes de ser efetivamente pago.

Luis Mendes é sócio das mineradoras Aricá e Kin, que foram alvo de busca e apreensão na operação. A investigação apura a compra de mercúrio contrabandeado e o uso de notas fiscais falsas por parte das empresas.

Embora tenha recorrido da decisão no Tribunal Regional Federal da 1ª Região (TRF1) e no Superior Tribunal de Justiça (STJ), as liminares foram negadas. Agora, a defesa aguarda a análise de um recurso na Sexta Turma do STJ. O pedido de prorrogação do prazo pode ser considerado uma estratégia da defesa diante do impasse jurídico.

Compartilhar

Redação MT Política

Faça um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

MT POLÍTICA

redacao@mtpolitica.com.br

Av. Rubens de Mendonça, 1856 Cuiabá Office Tower, sala 307

CEP: 78048450 – Cuiabá/MT

Tags

    Últimas Notícias

    • All Post
    • ARTIGOS
    • CIDADES
    • ESPORTE
    • POLÍCIA
    • POLÍTICA
    • VARIEDADES

    2023 – Copyright © – MT Política – Todos os direitos reservados | Desenvolvido pela Tropical Publicidade